domingo, 7 de novembro de 2010

DSTs

(DOEÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS)

Também conhecidas como doenças venéreas, as DSTs são transmitidas pelo ato sexual. Esteja alerta a qualquer um destes sintomas, pois as DSTs, podem facilitar a transmissão do vírus da AIDS. Cada DST tem um tipo de tratamento e só o profissional de saúde pode indicar o tratamento correto. Deve-se evitar transar (fazer sexo) durante o tratamento. É importante que ambos os parceiros (as) sejam tratados. Vejam a tabela abaixo.

DST O QUE É? SINTOMAS
TRICOMONÍASE Parasita transmitida pelo ato sexual - Corrimento amarelo esverdeado com mau cheiro
- Coça e dói durante o ato sexual
- Os sintomas aparecem principalmente nas mulheres
CANDIDÍASE Proliferação de fungos existentes no ânus e na vagina - Corrimento branco, como leite talhado com cheiro azedo
- Irritação e coceira na vagina
- Ardência ao urinar e no ato sexual
GARDERNERELLA Bactéria - Corrimento de cor branca acinzentada ou marrom clara com cheiro de “peixe podre”
- Dor no ato sexual ou no pé da barriga
SÍFILIS Doença grave que pode levar a complicações em homens e mulheres - Pequena ferida nos órgãos sexuais que não dói
- Caroço ou íngua na virilha
- Manchas no corpo (inclusive nas palmas da mão e nos pés)
- Na mulher grávida, passa para o bebê causando sérios problemas
GONORRÉIA Doença transmitida pela relação sexual, vaginal, anal e oral - Às vezes não apresenta sintomas nas mulheres
- Pode surgir um corrimento amarelo e mau cheiro nos homens e nas mulheres
- Ardência ao urinar
CANCRO MOLE Doença transmitida pela relação sexual, vaginal, anal e oral - Feridas na vulva, no colo do útero, na cabeça do pênis ou no ânus
- Dor no ato sexual
HERPES GENITAL Vírus da herpes transmitida pelo ato sexual ou contato com a secreção típica das feridas - Pequenas bolhas agrupadas no pênis, na vagina, no ânus, nas nádegas ou nas coxas
- Causam ardência, dor local e coceira
HEPATITE B Vírus - Em geral a pessoa não tem sintomas, mas pode transmitir o vírus nas relações sexuais ou em seringas compartilhadas
- Passa da mulher grávida contaminada para o bebê

Previna-se faça exames periódicos mesmo que tenha dificuldades com médicos nunca desista, lembre-se “saúde não é brincadeira” e é o seu bem maior o seu grande tesouro e nunca dispense a higiene, muitas bactérias e vírus vêm através da sujeira, muitos dos casos acontece por falta da higiene seja prudente e esperto (a).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário